Os Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números

Mapa de Movimentos efetuados no período de 4 a 17/6/2018.

Através dos Mapas de Movimentos fica-se com uma noção da dimensão das atividades realizadas pelos Bombeiros em cada período indicado e da sua média mensal ao longo do ano.

MEMÓRIA FOTOGRÁFICA

Ano 2003.

O dia de estio estava de uma claridade entre um rosa seco esmaecido e um plúmbeo quase imperceptível… O ar, quente, secava as narinas e a garganta…

Não havia uma nuvem no céu. Nem pássaros!

Estranho…

De repente soltaram-se raios e coriscos. O céu estalava com a violência secante de chicotadas desferidas por uma qualquer divindade enlouquecida.

Era urgente encontar um abrigo! Onde? E para nos abrigarmos de quê? Dos raios? Como, se eles partem cá de baixo e não das nuvens?… e nem sequer havia nuvens. Vê-los cair do céu é uma ilusão ótica.

Era uma trovoada seca, perigosíssima, aquela que se abatia sobre uma parte do concelho de Rio Maior. Deixava no ar um odor ominoso a ozono.

Fez estragos e matou.

Em Sourões, nas Alcobertas, deu cabo de uma vacaria (foto no Facebook), arrancou telhas, feriu e eletrocutou animais.

Na foto, do arquivo do jornal Região de Rio Maior, uma das vacas atingida por um raio em plena vacaria.

Categorias:Rio Maior Tags: , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Regiao | O Centenário do Armistício na Escola Secundária de Rio Maior Regiao | O Centenário do Armistício na Escola Secundária de Rio Maior
Região | Juvenis abriram a XVIII Gala do Acordeão Eugénia Lima Região | Juvenis abriram a XVIII Gala do Acordeão Eugénia Lima
Região | Inaugurada em Rio Maior a USF Villa Romana Região | Inaugurada em Rio Maior a USF Villa Romana
Região | Rede Nacional de CAR – Projeto de Internacionalização encerra Região | Rede Nacional de CAR – Projeto de Internacionalização encerra

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.