Capa da edição nº 1410 – 16 de Outubro de 2015

CAPA 1410.pmd

Outros assuntos tratados nesta edição em papel do jornal Região de Rio Maior

Em matéria de opinião pode ler:

  • «Rio Maior não esquece», da autoria de Eduardo Casimiro Pereira da Silva a respeito do Monumentos aos Combatentes de Rio Maior.
  • «Fracas queixas e perigosas ideias», artigo escrito por Hélio Bernardo Lopes a propósito do que se disse na Sessão Solene de Abertura do Ano Judicial.
  • «Quem ganhou as eleições de 4 de outubro», questiona João Teodoro Miguel.
  • E em «Cartas do Leitor» Maria Abreu aponta «Em Rio Maior a fatura da água duplicou».

Publicam-se notícias sob os seguintes títulos:

  • Azambuja subsidia atividades socioculturais.
  • Empreendimento turístico em Constância.
  • Câmara de Azambuja adere ao «IMI familiar».

Pelo concelho de Rio Maior

  • Estabelecido Dia de Rio Maior para a Igualdade.
  • A Câmara começou a tratar da estrada do Larojo.
  • Município atribui 1.700 € para aquisição de desfibrilhador à CVP – Rio Maior.
  • Há obras em curso sob administração direta da Câmara (redes de abastecimento de água…).
  • Próxima reunião de Câmara muda de sexta-feira.
  • S. João da Ribeira recebeu no segundo fim de semana de outubro o seu 3º Encontro do Clube 2CV Portugal.

Na coluna «Rio Maior na imprensa de há 100 anos», Maria Alzira Almeida traz ao presente a falta de água em outubro de 1915 e o assassinato do Zarolho, também nesse mês, há um século.

A informação desportiva passa por assuntos como:

  • O fim de semana negro, que foi o de 10 e 11/10/2015 para Juvenis e Iniciados do Núcleo Sportinguista de Rio Maior.
  • As próximas eleições no Moto Clube de Rio Maior.
  • A medalha de bronze conquistada por Yahima Ramirez no European Judo Open Women 2015.
  • O 2º e o 3º lugares dos atletas riomaiorenses no Super Sprint em Lisboa, com o CNRM a ganhar a prova aberta.
  • Os pódios conquistados pela AJA em Vila Franca de Xira.
  • O plantel da ASFIC para a época 2015/16 e o novo diretor desportivo.
  • E o arranque da Ginástica na Académica de Rio Maior.

Além de tudo isto o leitor tem ainda informação sobre cinema em Rio Maior, Santarém e Caldas da Rainha, exposições na região, a Ópera Dido e Eneias na Golegã, o «Itinerário do Sal» no Teatro da Rainha, também nas Caldas onde pode assistir igualmente à «Brisa do Tufão» no CCC, o XII Festival Nacional de Folclore em Fráguas (Rio Maior) e as «Palavras de Abril» no Teatro Taborda em Santarém.

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.