Mais uma médica cubana no Centro de Saúde de Rio Maior

A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo colocou uma nova médica de nacionalidade cubana no Centro de Saúde de Rio Maior, soube-se na sexta-feira da semana passada, 12 de Setembro. Aliás o assunto foi falado na reunião de Câmara desse dia.

Esta médica deverá prestar serviço no Centro de Saúde Dra. Maria Laudelina Barbosa, até 31 de Dezembro de 2016, podendo o contrato ser renovado por mais um ano.

As despesas de alojamento são por conta do Município, à semelhança do que aconteceu em Março de 2014, quando da colocação de outros dois médicos cubanos neste Centro de Saúde, encargo que não sendo do foro do Município este continuará a assumir “se essa for a única forma de permitir aos munícipes o acesso a um serviço de saúde com melhor qualidade”, afirmou Isaura Morais.

A Comissão de Utentes do Concelho de Rio Maior regista que a contratação da médica foi feita através de uma empresa privada e que a mesma trabalhará no Atendimento Complementar, pelo que os utentes sem médico de família continuarão a ser os mesmos – cerca de 9 000. Deplora que apesar dos pesados impostos pagos pelos cidadãos, ainda tenha que ser o Município a pagar dos seus parcos recursos as despesas de alojamento as quais deviam ser custeadas pela Administração Central.

Categorias:Uncategorized Tags: ,

Também pode ser do seu interesse:

Capela bonita nasceu da escola primária desativada do Alto da Serra. Capela bonita nasceu da escola primária desativada do Alto da Serra.
A evolução da qualidade alimentar da humanidade A evolução da qualidade alimentar da humanidade
A agricultura intensiva e o seu impacte ambiental A agricultura intensiva e o seu impacte ambiental
Dar tempo ao tempo Dar tempo ao tempo

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.