Mara Ribeiro foi 16ª no Campeonato do Mundo de Juniores

Anežka Drahotová ganha e estabelece novo Máximo Mundial

A checa Anežka Drahotová estabeleceu esta quarta-feira um novo máximo mundial de juniores femininos dos 10 mil metros marcha ao vencer em Eugene a final da distância na segunda jornada dos Campeonatos Mundiais de Atletismo para Juniores, que decorrem naquela cidade dos Estados Unidos até domingo. Drahotová registou 42.47,25 m e superou a marca obtida pela russa Elena Lashmanova a 21 Julho de 2011, durante os Campeonatos da Europa de Juniores de Tallinn (Estónia), então com 42.59,48 m. Como é lógico, o registo de Drahotová supera igualmente o recorde dos campeonatos, que estava na posse da também russa Tatyana Mineeva, com 43.24,72 m, a marca com que em 2008 se sagrou campeã do mundo da categoria na cidade polaca de Bydgoszcz. De notar que tanto Lashmanova como Mineeva, as autoras das marcas agora batidas por Drahotová, foram posteriormente suspensas por dois anos devido a dopagem.

Anežka Drahotová assumiu a liderança da prova desde a partida.

Anežka Drahotová assumiu a liderança da prova desde a partida.

 Anežka Drahotová assumiu a liderança da prova desde a partida, tendo nos primeiros quatro quilómetros a companhia da russa Oksana Golyatkina, com quem há um ano, em Rieti (Itália), disputou até final a vitória nos europeus de juniores. Desta vez, a russa resistiu apenas dez das 25 voltas, acabando desclassificada ainda antes de metade da competição.

 As medalhas de prata e bronze ficaram para as atletas chinesas, Na Wang (44.02,64) e Yuanyuan Ni (44.16,72), respectivamente.

Mara Ribeiro termina em 16º e melhora marca pessoal em quase 20 segundos!!

Ainda que noutro nível competitivo, foi também muito bom o desempenho das duas representantes de Portugal, já que ambas registaram bons progressos nos respectivos recordes pessoais. A atleta riomaiorense do Clube de natação de Rio Maior, Mara Ribeiro, concluiu a prova na 16.ª posição, com 47.48,33 m (antes, 48.07,88, marca de 2013), retirando quase vinte segundos ao máximo pessoal. Sete lugares depois chegava a atleta escalabitana, Mariana Mota, com um salto ainda maior no recorde pessoal: marcou 49.07,82 m, contra os anteriores 50.05 em estrada (Taça do Mundo de Taicang, 2014) e 50.11,41 m em pista (no início deste mês, nos nacionais de juniores).

 Pode, por isso, considerar-se que o saldo da presença portuguesa nesta prova foi muito positivo, não podendo haver melhor forma de honrar uma chamada à selecção nacional do que superar (e pelas diferenças verificadas!) as melhores marcas conseguidas anteriormente.

Categorias:Desporto Tags: , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Região | Aos 21 anos a ESDRM viu tomar posse o 5.º diretor: Luís Cid Região | Aos 21 anos a ESDRM viu tomar posse o 5.º diretor: Luís Cid
Região | 1ª Gala do Desporto abrangeu as áreas Escolar e Universitária Região | 1ª Gala do Desporto abrangeu as áreas Escolar e Universitária
Região | Congresso Nacional de Gestão de Desporto, em Rio Maior Região | Congresso Nacional de Gestão de Desporto, em Rio Maior
Região | 1ª Gala do Desporto distinguiu João Vieira e Inês Henriques Região | 1ª Gala do Desporto distinguiu João Vieira e Inês Henriques

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.