Mulher atropelada numa passadeira em Rio Maior

O socorro veio dos Bombeiros Voluntários da Benedita, via CODU/INEM.

O socorro veio dos Bombeiros Voluntários da Benedita, via CODU/INEM.

Passadeira à entrada da Avenida Paulo VI, cenário de atropelamento neste sábado, 17 de junho de 2017.

A passadeira (demasiado) à entrada da Avenida Paulo VI, junto da Rotunda do Município, na cidade de Rio Maior, foi cenário, hoje, sábado, 17/6/2017, cerca das 8 horas e 20 minutos, do atropelamento de uma mulher que ia para o trabalho.

Dora Cristina, na casa dos 40 anos de idade, vinha de Vale do Carro para o seu emprego no Salão de D. Margarida Carvalho, na Praça da República, em Rio Maior, quando foi colhida por uma viatura automóvel.

A vítima foi imobilizada no local e o socorro veio dos Bombeiros Voluntários da Benedita, via CODU/INEM, sensivelmente às 8 horas e 40 minutos, que posteriormente a transportaram para o Hospital Distrital de Santarém.

A senhora apresentava lesões na cabeça e na face. Esteve sempre consciente durante as manobras de socorro.

O condutor da viatura estava muito consternado com a situação.

Um encandeamento momentâneo pelo sol no retrovisor do carro pode ter estado na origem do acidente. Por outro lado a demasiada proximidade da passadeira, da curva, para quem entra na Av. Paulo VI vindo de Santarém, praticamente não deixa margem de manobra a quem conduz para tentar evitar o pior numa emergência.

Categorias:Rio Maior Tags: , , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

NA ESDRM x NA Samora Correia disputam o comando NA ESDRM x NA Samora Correia disputam o comando
Melhores nadadores da região treinam no CAR Rio Maior Melhores nadadores da região treinam no CAR Rio Maior
Unidade fabril da Generis em Rio Maior Unidade fabril da Generis em Rio Maior
CUSP promove ação pública defronte do Centro de Saúde CUSP promove ação pública defronte do Centro de Saúde

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.