O “Buggy” regressou a casa, são e salvo

Actualizado a 23 de Abril de 2015 – 11h38 | Nova actualização a 23 de Abril de 2015 – 12h45 – Depois de os Bombeiros Voluntários de Rio Maior, terem publicado na sua página da rede social Facebook e no Youtube, o vídeo do salvamento comovente de um cão que havia ficado preso num tubo de águas pluviais e que obteve milhares de visualizações nos vários websites onde foi publicado, surge agora a notícia de que o mesmo animal, o “Buggy” (e não “Gucci” como inicialmente foi avançado) regressou a casa, são e salvo, de onde havia desaparecido há cerca de cinco dias.

Na sua página oficial, os Bombeiros de Rio Maior explicam que, «no passado dia 16 de Abril, pelas 12 horas, foi recebido no Corpo de Bombeiros de Rio Maior um pedido de socorro via popular para um salvamento de animal na Zona Industrial de Rio Maior, perto da empresa MAIORCOLOR.

Chegados ao local a equipa constatou tratar-se de um cão que se encontrava preso num tubo de águas pluviais, tubo esse que se encontrava debaixo do solo a cerca de 50 cm.

Após os esforços desenvolvidos por parte da equipa de socorro foi possível desencarcerar o animal que agoniava por ajuda.

Apesar de todo o sofrimento do animal o mesmo não apresentava ferimentos, desconhecendo-se a pertença do animal, o mesmo foi deixado em liberdade.

A quem alertou, à equipa de socorro os nossos Parabéns pelo nobre gesto de salvar uma vida que doutra forma certamente não sobreviveria. Célia Peralta, Luis Sabino, Tiago Julião!

Deixamos o video da parte final do salvamento, onde poderão constatar as dificuldades em que este animal se encontrava.

Ao “Guchi” uma longa e boa vida!»

Agora, os Bombeiros de Rio Maior voltam a explicar:

«O cão que foi salvo no passado dia 16 afinal tinha família, após a partilha da notícia nas redes sociais qual o espanto quando o seu dono incrédulo com o filme, nos faz chegar a informação de que o Buggy e não “Guchi” como carinhosamente foi referenciado por nós, esteve desaparecido cerca de 5 dias e logo após o salvamento regressou a sua casa, o que mereceu até publicações nas redes sociais.

Só foi possível conhecer “quase” todo o enredo desta história pela força das redes sociais o que de todo tenha sido o nosso objectivo, pois a intenção foi apenas mostrar que todas as vidas são importantes mesmo aquelas que à 1ª vista para alguns possam ser de pouca importância.

Pois a família do Buggy, de forma alguma imaginaria o que o seu fiel amigo estaria passar nesses 5 dias, assim como o sentimento de perda que afectava toda a família.

Certamente um episódio rocambolesco mas brilhante na forma como terminou.

Esta é apenas a nossa missão….

Mais uma vez Parabéns a todos os envolvidos!»

E é aqui que deixamos uma segunda actualização:

«O “Buggy” mora no Bairro da Chainça onde desapareceu e é de Nuno Remix, o conhecido DJ que também é proprietário da MAIORPEÇAS. Libertado do tubo onde se meteu, o animal deu com a casa, voltando à segurança e carinho do dono», contou-nos pessoa amiga.

Parabéns aos dois pelo feliz desenlace deste insólito mergulho do “Buggy” num tubo, nesta que é sem dúvida, uma história com um final feliz e que, tão depressa, nem o cãozinho nem a sua família irão esquecer, estando para sempre gratos aos Bombeiros que efectuaram o salvamento.

Categorias:Rio Maior Tags: ,

Também pode ser do seu interesse:

Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números
Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números
Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números
Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números Região | Movimentos – Bombeiros Voluntários de Rio Maior em números

Um Comentário

  1. marques diz:

    voila les vrais miracle !! le reste c'est du lavage du cerebro pour endormir le peuple et se faire du fric!!

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.