Região | Aos 21 anos a ESDRM viu tomar posse o 5.º diretor: Luís Cid

Presidente do IP Santarém empossou Luís Cid e a subdiretora Teresa Bento.

I Parte

Em 5 de dezembro de 2018, o dia em que se completaram 21 anos sobre a data da criação da Escola Superior de Desporto de Rio Maior (ESDRM), tomou posse como seu diretor o Professor Doutor Luís Cid. Conferiu-lhe posse o presidente do Instituto Politécnico de Santarém (IP Santarém) a que a Escola pertence, Professor Doutor José Mira Potes.

Luís Filipe Cid Serra, Professor Adjunto da ESDRM onde exercia o cargo de subdiretor, tendo estado ultimamente em funções de gestão corrente da Escola na sequência da saída do diretor cessante, João Moutão, para uma das vice-presidências do IP Santarém, é Membro Integrado do Centro de Investigação em Desporto, Saúde e Desenvolvimento Humano (CIDESD). Doutorado em Ciências do Desporto pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Mestre em Psicologia do Desporto e do Exercício pela ESDRM, Mestre em Ciências do Desporto pela Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, Licenciado em Psicologia do Desporto e do Exercício pela ESDRM e Licenciado em Educação Física pela Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico da Guarda.

José Mira Potes, presidente do IP Santarém.

Com “João Moutão (nr.: ex-diretor da ESDRM, presente na sessão comemorativa do aniversário da Escola) e Nuno Pacheco, os dois vice-presidentes e a nova administradora do IP Santarém, realmente é uma equipa que dá gosto”, confessou na sua intervenção o presidente José Mira Potes que reconhecendo “o trabalho e o mérito do João” assegurou que toda a sua equipa está com a Escola Superior de Desporto; “É uma satisfação para nós sentir este calor e apoio de todos vós”, declarou. Quanto à nova direção, que “prima pela simpatia e o espírito de trabalho”, acredita “não ser desmerecedora da antecessora”, dando a entender que a Escola fica bem entregue. Conta com o apoio da direção do Politécnico.

Na ESDRM, “saltam à vista a juventude e o dinamismo; é a Escola mais jovem do Instituto Politécnico de Santarém mas também é”, dado ser o desporto a sua vocação, “a mais dinâmica”. Para o presidente, “estas duas palavras – juventude e dinamismo – são as peças chave para constituir uma equipa do IP Santarém”, que tem cinco Escola Superiores, “que conseguirá com certeza absoluta mostrar o trabalho de todos”, porque “é afirmando o trabalho de todos e o espírito de equipa que o Politécnico conseguirá dias mais agradáveis. Portanto parabéns, bom trabalho e vamos a isso”, exortou.

Luís Cid, diretor da Escola Superior de Desporto de Rio Maior.

No ato de posse, que se realizou no Auditório Silvino Sequeira da Escola Superior de Desporto no âmbito das comemorações do 21º aniversário deste estabelecimento de ensino em Rio Maior, Luís Cid apontou cinco razões para prestar outras tantas homenagens às pessoas que tudo foram tornando possível:

1.ª – A ESDRM começou a lecionar no ano letivo de 1998/1999 com apenas 2 cursos de licenciatura, um de Treino Desportivo e o outro de Condição Física, 11 professores, 1 funcionário e 51 alunos – os pioneiros.

Durante 15 anos a ESDRM funcionou em instalações provisórias disponibilizadas pelo Município, fazendo uso das infraestruturas desportivas existentes na cidade. Hoje tem “infraestruturas própria de excelência, um corpo docente especializado e altamente qualificado com fortes ligações ao mercado de trabalho do desporto, com capacidade instalada para dar resposta aos desafios no âmbito da formação, da investigação, da inovação e da transferência do conhecimento”, contando além disso com “um corpo não docente habilitado para apoiar, suportar e assegurar o seu funcionamento administrativo, técnico e operacional”.

A Escola Superior de Desporto já formou cerca de 2 000 diplomados. No ano letivo de 2018/2019 tem cerca de 1 000 alunos. Estes são o “seu bem mais precioso e a razão da nossa existência” e “nunca – mas nunca – nos podemos esquecer disso”, sublinhou.

Ao longo dos anos foi sendo desenvolvida e consolidada “uma vasta rede de parceiros estratégicos, contando atualmente com mais de um milhar de parcerias institucionais que muito têm contribuído para o desenvolvimento e a afirmação do projeto educativo” da Escola.

Prestado juramento, Luís Cid assinou o termo de posse como diretor da ESDRM, confirmado pelo presidente do IP Santarém, José Mira Potes.

2.ª – O projeto educativo da ESDRM tem sido consolidado através da sua oferta formativa “que continua a ser especializada e competitiva, com muita procura e uma elevada taxa de empregabilidade”, afirmou Luís Cid enfatizando que “o foco principal sempre foi o aluno no seu objetivo profissional, promovendo ao longo da sua formação diferentes momentos de contacto com a realidade profissional nas suas áreas de especialização e interesse”, o que  explica que a opção de oferta formativa desta Escola seja “muito específica e adaptada às necessidades do mercado do desporto, quer ao nível dos seus três cursos técnicos superiores profissionais – «Surfing no Treino em Animação Turística», «Manutenção de Piscinas» e «Vendas de Produtos e Serviços do Desporto» – quer ao nível das suas cinco licenciaturas – «Treino Desportivo», «Desporto, Condição Física e Saúde», «Desporto, Natureza e Turismo Ativo», «Atividade Física e Estilos de Vida Saudáveis» e «Gestão das Organizações Desportivas», quer ainda ao nível dos seus dois mestrados, um «Desporto» e o outro em «Atividade Física em Populações Especiais». Ainda em matéria de mestrados aguardam aprovação outros dois, ambos em consórcio: o Mestrado em «Pedagogia» e o Mestrado em «Desporto no Turismo», anunciou.

3.ª – Para o sucesso da oferta formativa da ESDRM, “muito tem contribuído os diversos coordenadores de curso ao longo doas anos, como seu empenho e dedicação”, reconheceu Luís Cid.

“O sucesso que a Escola Superior de Desporto possa ter hoje também se deve ao contexto em que está inserida, no qual reside um dos maiores clusters do desporto a nível nacional”, constituído pela ESDRM, o Centro de Estágios e Formação Desportiva, o Centro de Alto Rendimento de Natação e o Centro de Negócios e Inovação de Rio Maior. “Este cluster tem um enorme potencial estratégico, quer nacional quer internacional, não só pelas características da nossa cidade mas também pela sua localização geográfica central perto de Lisboa e privilegiada junto ao Mar de Peniche e ao Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros”, referiu o novo diretor realçando ademais o facto de “concentrar um conjunto variado de infraestruturas desportivas municipais” que fazem de Rio Maior “a verdadeira Cidade do Desporto”, uma designação justa.

4.ª – O percurso de implementação, desenvolvimento e consolidação da ESDRM ao longo dos seus 21 anos de existência tornaram-na uma “escola diferente de todas as outras, com condições que nos permitem dizer com orgulho que somos uma das maiores escolas do ensino superior ao serviço do Desporto em Portugal”, afirmou Luís Cid, que vê no mural inaugurado quando da passagem do 20º aniversário da Escola à entrada do Auditório Silvino Sequeira, a melhor forma que encontraram de “homenagear todos aqueles que deram e continuam a dar o seu melhor em prol da instituição”, assumindo porém que esses vinte anos de história acarretam “o peso da responsabilidade e do dever de fazermos mais e melhor, de trabalharmos em conjunto para potenciar as nossas capacidades de resposta aos desafios, de defendermos os princípios da igualdade, da liberdade e da fraternidade, colocando a transparência, a verdade e a justiça como pedras basilares da nossa construção coletiva”.

A ESDRM tem quase 1 000 alunos mas ainda lhe faltam professores e funcionários de que necessita, tem investigadores mas ainda lhe faltam “as condições para potenciar ainda mais os projetos de investigação e a prestação de serviços à comunidade”, tem uma oferta formativa especializada com elevada procura e labuta diariamente para conseguir os meios e recursos necessários para se manter competitiva, tem materiais e equipamentos mas também se debate com dificuldades financeiras para se manter totalmente operacional, tem instalações de excelência “mas ainda nos falta a Residência de Estudantes para podermos dar resposta às necessidades dos alunos mais carenciados e que desistem dos seus sonhos por falta de capacidade financeira para continuarem os seus estudos”, apontou Luís Cid.

Falando mais para dentro minutos depois de assinar o seu termo de posse, o novo diretor da Escola Superior de Desporto de Rio Maior deixou muito claros os princípios por que se regerá, afirmando: “Todos nós merecemos mais e melhor, todos nós queremos e podemos ter mais qualidade mas todos nós temos as responsabilidades bem definidas, quer do ponto de vista das funções que desempenhamos quer pelos cargos que ocupamos. Todos nós sabemos o que temos que fazer e não podemos empurrar responsabilidades sem assumir as nossas. Não podemos viver isolados num mundo só nosso sem olhar e compreender o mundo dos outros. Não podemos exigir os nossos direitos sem cumprir primeiro as nossas obrigações. A mudança reside em cada um de nós e naquilo que cada um de nós quer dar em prol do desenvolvimento coletivo da nossa escola e ao mesmo tempo desenvolver o seu potencial individual.” Luís Cid não duvida porém que cada um quererá dar o seu melhor pela Escola, “sejam os alunos ao estudarem e adquirirem as melhores competências técnicas e dignificarem o nosso trabalho, sejam os nossos docentes e investigadores aos produzirem, disseminarem e aplicarem o conhecimento científico para criarem as melhores condições de formação, sejam ainda os nossos funcionários ao trabalharem para nos darem o suporte necessário, ou ainda os nossos parceiros institucionais”.

5.ª – Manifestando-se honrado por poder servir a Escola Superior de Desporto na qualidade de seu diretor, Luís Cid reiterou os compromissos assumidos na sua candidatura ao cargo e homenageou todos aqueles que de forma direta ou indireta contribuíram para a sua eleição bem como todos quantos se disponibilizaram para oferecer uma alternativa dando provas da vitalidade democrática da Escola. Agradeceu a Teresa Bento e a Marina Lemos o apoio e o terem aceitado integrar a sua equipa. Por último declarou-se convicto de que “A continuidade do sucesso só será possível pela sabedoria e pela força do nosso trabalho, do nosso empenho e da nossa dedicação, por isso só existe um caminho a seguir: todos temos que dar o melhor para que juntos sejamos ainda mais fortes. É isto que se exige, é isto que eu espero de cada um de vós, é para isso que podem contar connosco, porque é isto que é ser Desporto, é isto que é ser ESDRM.”

A tomada de posse de Teresa Bento como subdiretora da ESDRM. Na foto veem-se também, em primeiro plano a presidente do Município de Rio Maior, Isaura Morais, além do presidente do IP Santarém e do diretor da ESDRM e ainda Vítor Santos, chefe dos serviços administrativos do Politécnico.

Nesta sessão comemorativa, o presidente do Instituto Politécnico de Santarém, Professor Doutor José Mira Potes também empossou, neste caso como subdiretora da Escola Superior de Desporto, a Professora Doutora Teresa Paula Domingos da Cunha Bento. Estes atos foram orientados pelo Dr. Vítor Alexandre, diretor de serviços do IP Santarém.

Uma perspetiva da assistência no Auditório Silvino Sequeira, na sessão solene comemorativa dos 21 anos da ESDRM.

Presidida por José Mira Potes, a mesa de honra foi constituída pelo agora novo diretor da ESDRM, Luís Cid, a presidente do Município de Rio Maior, Isaura Morais, o presidente da Assembleia de Escola cessante, Professor Doutor Luís Gonzaga e o presidente da Associação de Estudantes da ESDRM, o jovem estudante riomaiorense Francisco Cordeiro.

Texto e fotos: Carlos Manuel

Categorias:Educação, Em Destaque Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Região | Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém Região | Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém
Região | GNR promove Caminhada pela Floresta em 21 de Março Região | GNR promove Caminhada pela Floresta em 21 de Março
Região | Município cede viaturas novas ao Centro de Saúde de Rio Maior Região | Município cede viaturas novas ao Centro de Saúde de Rio Maior
Região | Grande Prémio Internacional em Marcha Atlética – 6 de Abril Região | Grande Prémio Internacional em Marcha Atlética – 6 de Abril

Responder

Enviar Comentário

© 2019 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.