Região | Gala do Tejo 2019 premiou os melhores vinhos e iguarias

​​Gala Tejo 2019 brindou aos melhores do Concurso Vinhos do Tejo e do Tejo Gourmet

A Gala Tejo foi celebrada a rigor no sábado, dia 18 de Maio de 2019, no Hotel dos Templários, no coração da cidade de Tomar. Perante a presença de 350 pessoas foi dado lugar à cerimónia de entrega de galardões no âmbito do X Concurso Vinhos do Tejo, bem como das melhores empresas e profissionais do sector, com a atribuição dos Prémios Vinhos do Tejo, nas categorias «Empresa Dinamismo», «Empresa Excelência», «Enólogo do Ano» e «Prémio Carreira» e do Tejo Gourmet – 9.º Concurso de Iguarias e Vinhos do Tejo.

O X Concurso Vinhos do Tejo – o mais concorrido de sempre, com 183 vinhos – foi disputado com tenacidade. Para além das habituais Medalhas de Excelência, foram atribuídas duas Grandes Medalhas de Ouro, 29 Diplomas de Ouro e 24 Diplomas de Prata.

A Quinta da Badula (Rio Maior) está entre os produtores com Diplomas de Ouro

A Gala Tejo, evento anual organizado pela Comissão Vitivinícola Regional do Tejo em parceria com a Confraria Enófila Nossa Senhora do Tejo, tem como objetivo promover a marca Vinhos do Tejo, estimular a produção vínica de qualidade e dar a conhecer os néctares da região num momento de união e confraternização entres os players do sector na região.

Vinhos da Quinta da Alorna e da Companhia das Lezírias chegam ao topo

As duas Medalha de Excelência foram atribuídas ao Quinta da Alorna Alvarinho e Viognier Reserva branco 2017 (Quinta da Alorna) e ao  Tyto Alba Touriga Nacional tinto 2015 (Companhia das Lezírias).

A excelência dos vinhos da competição deste ano “obrigou” à atribuição de duas Grandes Medalhas de Ouro. Ambos tintos, os merecedores foram o Clavis Aurea Reserva 201′ (Quinta Casal Monteiro) e o Bridão Reserva 2016′ (Adega do Cartaxo).

O Casal da Coelheira destaca-se com o maior número de vinhos premiados, com três Diplomas de Ouro, dois Diplomas de Prata e o 1.º e 3.º lugares no que toca aos Melhores Brancos de 2018, com o Casal da Coelheira Reserva e Casal da Coelheira Private Collection, respectivamente.

António Ventura é galardoado com o Prémio Carreira

No âmbito dos Prémios Vinhos do Tejo relativos à prestação no ano transacto, o Prémio Carreira seguiu viagem com o engenheiro António Ventura, enólogo em várias adegas, nomeadamente na Adega Cooperativa de Almeirim. Natural do Cadaval, possui o legado da família no que toca à atividade da vitivinicultura, um património enriquecido com a formação em Indústrias Agro-Alimentares, na Escola Superior Agrária de Santarém, a licenciatura em Agronomia, na Universidade de Évora, e a especialização em Viticultura e Enologia, em 1983, no Instituto e Horticultura de Geisenheim, na Alemanha. É também responsável por muitas das equipas de enologia de adegas do país.

O Enólogo do Ano 2018 é Bernardo Cabral. Enólogo da Companhia das Lezírias, desde 2012, faz consultoria nesta área em outras adegas do país – ilha do Pico, nos Açores, inclusivamente. É licenciado em Engenharia Agro-Industrial pelo Instituto Superior de Agronomia e possui a pós-graduação em Enologia, da Universidade Católica do Porto.

Nas categorias de Empresa Dinamism e Empresa Excelência constam, respectivamente, a Adega Cooperativa de Benfica do Ribatejo e a Adega Cooperativa do Cartaxo.

Tejo Gourmet distingue 8 restaurantes com Grande Medalha de Ouro

A noite de festa da Gala Tejo foi também contemplada com os prémios da 9.ª edição do Tejo Gourmet, o concurso que tem como objectivo promover a excelência na restauração, com destaque para a harmonização dos Vinhos do Tejo com uma gastronomia de índole tradicional, internacional e de autor.

Dos 58 restaurantes participantes deste ano, 17 receberam Diploma de Prata, 28 arrecadaram Diploma de Ouro e 8 foram distinguidos com Grande Medalha de Ouro. São eles o À Terra (Vila Monte Farm House, Olhão), o Beef & Wines (Funchal, Ilha da Madeira), o Cisco – Cozinha Tradicional (Almeirim), o Espadarte (Hotel Sana Sesimbra, Sesimbra), o Quorum (Lisboa), o Rei dos Leitões (Mealhada), o Taxiko Steackhouse (Funchal, Ilha da Madeira) e o Wish (Porto).

Por sua vez, os 11 Prémios Especiais foram distribuídos por 14 restaurantes. O de Melhor Restaurante foi atribuído ao ao Wish (Porto), a Melhor Cozinha de Autor é do Quorum (Lisboa) e a Melhor Cozinha Internacional foi parar às mãos do À Terra (Vila Monte Farm House, Moncarapacho, Olhão). O Cisco – Cozinha Tradicional (Almeirim) arrecadou o galardão de Melhor Cozinha Tradicional e o Petiscaki (Montemor-o-Novo) conquistou a Melhor Casa de Petiscos. O Prémio Revelação foi dividido por dois espaços de restauração: Taxiko Steakhouse (Funchal, Ilha da Madeira) e Casa Chef Victor Felisberto (Alferrarede, Abrantes). O mesmo se passou com o Melhor Promoção, distinção atribuída ao Clube Lisboeta e ao Pão à Mesa, ambos em Lisboa, bem como à Melhor Entrada, partilhada pelo restaurante Espadarte (Hotel Sana Sesimbra, Sesimbra) e pelo Rei dos Leitões (Mealhada). O Calça Perra (Tomar) apresentou o ‘Melhor Prato’ e, para finalizar, o Viva Lisboa (Neya Hotel, Lisboa) deu a provar a Melhor Sobremesa desta edição do Tejo Gourmet. Para a categoria de Melhor Carta de Vinhos foi distinguido o Beef & Wines (Funchal, Ilha da Madeira).

Fonte: Comissão Vitivinícola Regional do Tejo

Categorias:Economia Tags: , , , , , , , , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Região | A Lezíria do Tejo na Feira Nacional de Agricultura 2019 Região | A Lezíria do Tejo na Feira Nacional de Agricultura 2019
Região | Seminário da CIMLT sobre mobilidade da Lezíria do Tejo Região | Seminário da CIMLT sobre mobilidade da Lezíria do Tejo
Região | Resultados das Eleições para o Parlamento Europeu 2019 Região | Resultados das Eleições para o Parlamento Europeu 2019
Região | Europeias 2019: MAI informa sobre Alterações às Leis Eleitorais Região | Europeias 2019: MAI informa sobre Alterações às Leis Eleitorais

Responder

Enviar Comentário

© 2019 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.