Região | IPSantarém com nova direção liderada por José Mira Potes

Presidente cessante, Jorge Justino acredita que a nova liderança do IPSantarém dará toda a atenção à questão da Residência de Estudantes da ESDRM.

José Mira Villas Boas Potes (à direita) quando ia prestar juramento antes de assinar o termo de posse como presidente do Instituto Politécnico de Santarém.

“O início da construção da Residência de Estudantes da Escola Superior de Desporto de Rio Maior” será “por certo” um processo a que a nova liderança do Instituto Politécnico de Santarém “dará toda a atenção”, disse Jorge Justino na tomada de posse do seu sucessor, José Mira Villas Boas Potes, ocorrida na última segunda-feira, 10 de setembro, à tarde, no auditório da Escola Superior Agrária de Santarém.

Jorge Justino, 22 anos de serviço público em cinco mandatos como presidente do IPSantarém e um como diretor da ESAS, aqui no seu discurso de despedida.

Jorge Justino, que aludia ao programa eleitoral da candidatura de José Mira Potes, foi mais longe advogando que “a tutela deve ser pressionada no sentido de se poder acelerar este processo”. É consabida a premência de uma residência de estudantes para a Escola Superior de Desporto de Rio Maior (ESDRM) e os jovens que a pretendem frequentar mas não tendo capacidade para pagar quartos acabam por desistir.

No seu discurso de posse, José Mira Potes não se referiria especificamente à questão da Residência de Estudantes da ESDRM mas além de ter o antigo diretor da Escola Superior de Desporto, João Moutão, como um dos dois vice-presidentes do seu elenco dirigente afirmou: “Não poderia deixar de me comprometer com a permanente procura das melhores respostas institucionais para todos os alunos que representam a nossa razão de existir, para todos os funcionários que nos representam em cada momento no exercício pleno de entrega e de dedicação e para cada um dos docentes, na certeza de que com os resultados do nosso trabalho contribuiremos decisivamente para a afirmação do nosso Instituto.”

Francisco Madelino, presidente do conselho geral do IPSantarém.

Outro orador foi Francisco Madelino, que salientou a importância do IPSantarém para o distrito: “… é uma entidade fundamental para posicionar esta região na divisão da economia, do trabalho e da cultura na área metropolitana de Lisboa”. O presidente do conselho geral do Politécnico imputou “à comunidade – aos empresários e às associações que os representam, aos atores, sobretudo os atores sociais” dado “o enorme peso que tem a economia social neste distrito, aos autarcas com funções concelhias ou nas comunidades intermunicipais e aos professores” – a responsabilidade de não se ficarem “apenas” pelas “palavras” mas a darem “contributos concretos para que o Instituto Politécnico e as suas diversas escolas possam ter essa função”.

José Mira Potes homenageou o funcionário mais antigo da Escola Superior Agrária de Santarém, Heitor Raposo.

O novo presidente do IPSantarém despediu-se nesta mesma cerimónia de posse, do cargo que vinha exercendo de diretor da Escola Superior Agrária (ESAS) e homenageando com uma lembrança e um abraço Heitor Raposo, o funcionário mais antigo da ESAS.

Dirigindo-se a Jorge Alberto Guerra Justino, José Mira Potes destacou a “persistência e a dedicação com que em cada momento” pugnou “sem medo pelos interesses do ensino superior e do nosso Instituto”, sendo esses, no seu entender e “sem dúvida alguma os traços que melhor o podem definir no exercício sempre perfeito como ilimitado – a sua marca enquanto dirigente”.

Entre as prioridades elencadas, José Potes apontou “as necessidades de modernização e melhoria da eficiência organizacional” destacando a propósito o início de funções de Teresa Salvador, a nova administradora do Politécnico de Santarém onde substitui Pedro Carvalho que se demitiu em meados deste ano estando agora ao serviço do Município scalabitano. Teresa Salvador, que anteriormente foi administradora do ISCTE em Lisboa, tem como primeira missão adequar a “estrutura orgânica” do IPSantarém “do ponto de vista funcional, com o objetivo de melhor servir nos domínios da investigação, do desenvolvimento, da internacionalização e da gestão mais partilhada e eficiente realizada em conjunto com os diretores das escolas”.

José Potes pretende também reforçar o papel das cinco escolas superiores do IPSantarém junto da presidência e isso passará por uma gestão participada e concertada com as mesmas.

O presidente quer ver o Instituto Politécnico renovado e ao serviço da região, aberto às necessidades regionais, colocando as competências que possui “no esforço de desenvolvimento local em completo alinhamento com os restantes agentes” e envolvendo-se “mais ativamente na elaboração dos planos, dos projetos e de outras iniciativas de interesse regional”, o que implica “aprofundar o relacionamento com o tecido empresarial e institucional” e adequar a oferta formativa “em resposta aos desafios do mercado de trabalho”, sendo que “a formação inicial, a formação ao longo da vida e o esforço de qualificação são os ativos de que se constitui muita da intervenção” do IPSantarém.

O presidente do IPSantarém, José Mira Potes conferindo posse aos vice-presidente João Moutão e Nuno Pacheco (à esquerda, ambos de óculos).

Nesta mesma sessão foram também empossados os vice-presidentes António Nuno Bordalo Pacheco e João Miguel Raimundo Peres Moutão.

Nas primeiras filas da plateia contavam-se, entre outras pessoas, individualidades do meio académico, um representante do governo, o bispo da Diocese de Santarém, D. José Traquina, presidentes de Câmara Municipal como os de Santarém, Rio Maior, Cartaxo e Arruda dos Vinhos, entre outros autarcas como vereadores e presidentes de Junta de Freguesia.

Uma perspetiva da assistência.

Texto e fotos: Carlos Manuel

Categorias:Educação, Em Destaque Tags: , , , , , , , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Região | Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém Região | Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém
Região | Futuro Salarium – Museu do Sal ficará situado na Fonte da Bica Região | Futuro Salarium – Museu do Sal ficará situado na Fonte da Bica
Região | Ginásio de Alcobaça ganha II Torneio Jorge Madeira Região | Ginásio de Alcobaça ganha II Torneio Jorge Madeira
Região | JFRM atribui Kit Escolar às crianças que iniciam o ensino básico Região | JFRM atribui Kit Escolar às crianças que iniciam o ensino básico

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.