Região | ONU distingue Força Portuguesa Destacada em missão na R.C.A.

ONU distingue Força Portuguesa Destacada em missão na República Centro-Africana

A cerimónia foi presidida pelo tenente-general Balla Keita, comandante da MINUSCA. O comandante da Força portuguesa é o tenente-coronel Fontoura.

Os militares do Exército e da Força Área que integram a atual 4.ª Força Nacional Destacada ao serviço das Nações Unidas na República Centro-Africana, no dia 20 de Fevereiro foram condecorados com a Medalha das Nações Unidas, a menos de um mês do seu regresso a Portugal.

A Força Portuguesa Destacada na República Centro-Africana.

A cerimónia foi presidida pelo tenente-general Balla Keita, comandante da Componente Militar da Missão Multidimensional Integrada das Nações Unidas para a Estabilização da República Centro-Africana (MINUSCA).

No discurso dirigido à Força portuguesa, Balla Keita reiterou o agradecimento pelo excelente desempenho, profissionalismo e dedicação dos militares portugueses na condução das operações militares realizadas. Detalhou ainda as ações de combate realizadas por esta Força, maioritariamente composta por paraquedistas, decisivos para a proteção das populações e para o fortalecimento do diálogo político para a paz, que sentou à mesma mesa no final de Janeiro, em Khartoum, os grupos armados, representantes da União Africana e do governo da República Centro-Africana.

Destaca-se igualmente o agradecimento do general senegalês dirigido a Portugal, pela excelência do trabalho desenvolvido pelos sucessivos contingentes nacionais na proteção dos civis indefesos da República Centro-Africana, maioritariamente compostos por tropas especiais do Exército, de Comandos e de Paraquedistas.

O comandante da Força Portuguesa, tenente-coronel Fontoura, no discurso aos seus militares.

O comandante da Força portuguesa, tenente-coronel Fontoura, no discurso aos seus militares, relembrou o espírito de corpo e de sacrifício necessário para o cumprimento de uma missão de paz, a complexidade das operações devido ao ambiente incerto em que estas decorreram e, por fim, reforçou o enorme orgulho e privilégio que tem em comandar os “melhores soldados da Pátria”.

A cerimónia contou ainda com a presença do 2.º comandante da Componente Militar da MINUSCA, tenente-general do Marco Serronha, e o comandante da Missão de Treino da União Europeia na República Centro-Africana, major general Hermínio Maio, ambos do Exército português.

A atual Força Nacional Destacada na República Centro-Africana, com um efetivo total de 180 militares, é maioritariamente composta por tropas especiais paraquedistas do 2.º Batalhão de Infantaria Paraquedista de Aveiro e integra três controladores aéreos avançados da Força Aérea e militares de outras unidades do Exército.

O atual contingente termina a missão no próximo dia 11 de Março, altura em que regressa a Portugal e uma nova Força, aprontada pelo Regimento de Comandos, assume as funções de Força de Reação Rápida por mais seis meses neste teatro de operações.

Veja o vídeo da cerimónia em https://drive.google.com/file/d/1Qg5Kn0KzRSZ0K0nq0tQ33EcIEAEQ1tBS/view

Categorias:Nacional Tags: , , , , , , , , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Região | GNR: Condecorado o Estandarte Nacional do CTER Santarém Região | GNR: Condecorado o Estandarte Nacional do CTER Santarém
Região | Apoio financeiro do Município para o Congresso de Suinicultura Região | Apoio financeiro do Município para o Congresso de Suinicultura
Região | 13 anos de Bons Sons com 13 bandas em palco Região | 13 anos de Bons Sons com 13 bandas em palco
Região | GNR detém nove indivíduos por tráfico de droga Região | GNR detém nove indivíduos por tráfico de droga

Responder

Enviar Comentário

© 2019 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.