Riomaiorense Henrique Fialho publicou mais dois livros

O escritor Henrique Fialho, natural de Rio Maior, a viver em Caldas da Rainha, publicou este ano mais dois livros, Call Center, um volume de pequenos contos, e Estação 2012, de poesia.

Estação 2012 é uma edição Mariposa Azual (2014), com apresentação no passado mês de Setembro. Um dado demográfico é o ponto de partida para este livro – o “número de emigrantes em 2012 foi superior ao total de nascimentos”.

Em Estação 2012 os poemas apropriam-se do nome de estações ferroviárias, aonde se chega e parte, verdadeiros pontos de evasão: “procurar na distância outra forma de solidão, talvez convencido de que longe de tudo poderei vir a sentir falta do que já tenho”, diz o autor, Henrique Manuel Bento Fialho (HMBF).

Este ano o Henrique já havia lançado Call Center, uma edição Companhia das Ilhas (2014), editora sediada em Lajes do Pico, Açores, na colecção Azulcobalto, com ilustração, na contracapa, de Mafalda Fonseca.

As capas dos livros "Call Center" e "Estação 2012".

As capas dos livros “Call Center” e “Estação 2012”.

A edição reúne 39 pequenas histórias, onde o narrador escuta personagens reclusas de um mundo burocrático. “Call Center é o confessionário onde os paradoxos e as ambiguidades da sociedade de consumo encalham, libertando-se sob a forma prestidigitada do conto. O absurdo surge como solução possível para contradições insanáveis, vidas sem rumo, situações mais ou menos verosímeis que nos fazem crer ser inútil procurar outro sentido para a vida que não seja o de uma desconfiança permanente sobre o doméstico, a normalidade, o lógico.”, escreveu o crítico José Mário Silva, na revista Actual do semanário Expresso de 2 de Agosto de 2014, continuando:“no universo de HMBF, o espelho que reflecte a sociedade partiu-se em mil estilhaços, e é sobre estas arestas de vidro que as personagens caminham, cortando-se e sangrando, mais impulsionadas pelo espanto do que pela revolta, seguindo ainda assim em frente, através do negrume. As incongruências da vida gregária (na família, no bairro, no país) e a entropia social geram uma energia turva que explode através de situações absurdas.”

Estes, e outros livros do Henrique podem ser adquiridos contactando as editoras citadas, ou em livrarias como a Fnac e a Bertrand, ou nos seus sites, ou ainda através do site www.wook.pt.

Licenciado em Filosofia, Henrique Manuel Bento Fialho tem diversos títulos publicados, como: Entre o dia e a noite há sempre um sol que se põe (2000), Antologia do Esquecimento (2003), Estórias Domésticas & Outros Problemas (2006), O Meu Cinzeiro Azul (2007), Estranhas Criaturas (2010), A Dança das Feridas (2011), Rogil (2012) e Suicidas (2013).

Categorias:Artes e Cultura

Também pode ser do seu interesse:

Em Janeiro o Porco.pt é Rei Em Janeiro o Porco.pt é Rei
Judo: formação de dirigentes, árbitros e treinadores Judo: formação de dirigentes, árbitros e treinadores
Reduzir as emissões de CO2 atmosférico é preciso! Reduzir as emissões de CO2 atmosférico é preciso!
Rio Maior volta a receber o Challenger da NERSANT Rio Maior volta a receber o Challenger da NERSANT

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.