Tejo espera vindimar uva suficiente para 50 milhões de litros em 2014

As vindimas na região do Tejo principiaram em meados de Agosto e a Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo) estima que a colheita venha a permitir a produção de cerca de 50 milhões de litros, um valor muito semelhante ao de 2013. Para a CVR Tejo, o mais importante é que os produtores mantenham a mesma qualidade do vinho conseguido nos últimos anos e que tem reposicionado a região a nível nacional para patamares de elevada qualidade.

“A melhoria da qualidade é uma preocupação constante dos produtores que são os responsáveis pelo prestígio alcançado pelos vinhos da região nos últimos anos e o nosso papel é aumentar a penetração e notoriedade a nível nacional e internacional”, explica João Silvestre, director geral da CVR Tejo.

Segundo a entidade certificadora dos vinhos do Tejo, as previsões da produção a nível nacional apontam para uma quebra de 6% face à campanha anterior.

Categorias:Regional Tags: , ,

Também pode ser do seu interesse:

Região | A Lezíria do Tejo na Feira Nacional de Agricultura 2019 Região | A Lezíria do Tejo na Feira Nacional de Agricultura 2019
Região | Seminário da CIMLT sobre mobilidade da Lezíria do Tejo Região | Seminário da CIMLT sobre mobilidade da Lezíria do Tejo
Região | Gala do Tejo 2019 premiou os melhores vinhos e iguarias Região | Gala do Tejo 2019 premiou os melhores vinhos e iguarias
Região | Município permuta terreno por edifício, com a Rodoviária do Tejo Região | Município permuta terreno por edifício, com a Rodoviária do Tejo

Responder

Enviar Comentário

© 2019 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.