Três casos na região em que a GNR interveio

Tráfico de estupefacientes, furtos e roubo e violência doméstica – maleitas da sociedade.

Nos últimos dias, a Guarda Nacional Republicana foi chamada a intervir em três casos, ocorridos em três concelhos, cada um deles sintomático de outros tantos males que afetam a sociedade humana e não especificamente a portuguesa e muito menos a ribatejana.

O Comando Territorial da GNR de Santarém, no âmbito da sua atividade operacional, exprimida no territória sob sua jurisdição pelos militares dos Postos Territoriais, deu a conhecer estes três episódios.

1. Sexagenário detido, na Chamusca, terá admitido à GNR querer matar a mulher

Aconteceu no dia 4/3/2018. Na Chamusca, um homem de 60 anos de idade foi detido por violência doméstica com recurso a arma de fogo.

“Alertados para uma ocorrência de possível violência doméstica, os militares” do Posto Territorial da Chamusca “deslocaram-se de imediato para o local, onde encontraram a vítima escondida num compartimento, uma vez que temia pela sua vida. O agressor, na presença dos militares, afirmou que tinha a intenção de matar a sua esposa e de se suicidar”, relata o Comando Territorial de Santarém.

O sexagenário foi imediatamente detido tendo-lhe sido apreendida uma caçadeira e quatro cartuchos. “Verificou-se que a arma estava municiada e que o suspeito tinha a licença de uso e porte de arma caducada desde 2005”, acrescenta o Comando da GNR.

Detido e constituído arguido, o homem foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada “a proibição de contactar com a vítima”, como medida de coação.

2. Em Benavente um homem foi detido por tráfico de estupefacientes

No dia 5 de março, militares do Posto Territorial de Benavente detiveram um homem com 27 anos de idade, por tráfico de estupefacientes, em Benavente.

Foi no decurso de um patrulhamento que a Guarda o detetou a colocar um objeto por cima duma das rodas de um veículo estacionado. Sabendo que o homem já estava referenciado pela prática de tráfico de droga, os militares abordaram-no e inspecionaram o local tendo verificado que ele tinha na sua posse um maço de tabaco com 23 doses de haxixe, uma arma branca e 30 euros em numerário.

Detido, o homem foi constituído arguido e sujeito à medida de coação de termo de identidade e residência.

3. Um roubo por esticão e furtos em residência levam um homem à cadeia

Na sexta-feira, 8/3/2018, Dia da Mulher, um indivíduos de 25 anos de idade, foi detido em Almeirim, suspeito de um roubo por esticão e furtos numa residência.

O homem foi detido na sequência do “cumprimento de mandados de busca e de detenção, relacionados com processos de investigação por furtos em oito residências e um roubo por esticão, na via pública, a uma idosa de 83 anos”, explica o Comando Territorial da Guarda Nacional Republicana.

Quando da detenção do suspeito os militares apreenderam duas carabinas, dois cartuchos, um computador portátil e um televisor.

Já com antecedentes criminais pela prática do mesmo tipo de ilícitos, presente a primeiro interrogatório judicial o homem viu ser-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva, pelo que foi conduzido a estabelecimento prisional.

Esta ação foi levada a efeito por militares do Posto Territorial de Almeirim e do Núcleo de Investigação Criminal de Santarém.

Categorias:Regional Tags: , , , , , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém
Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém
Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém
Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém Atividade Operacional do Comando Territorial de Santarém

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.