Voltam a agravar-se os riscos de incêndio

Vêm aí condições meteorológicas adversas, favoráveis aos riscos de incêndio florestal.

sol_topoO Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê um agravamento significativo das condições meteorológicas associadas ao tempo quente e seco e, consequentemente, dos índices de risco de incêndio, salientando-se para os próximos dias:

– Um aumento da intensidade do vento no litoral oeste e terras altas, diminuição da humidade relativa do ar, para valores inferiores a 30% nas regiões do sul e do interior centro e norte, e continuação da temperatura máxima entre 30 e 35 °C nas regiões do sul e interior centro;

– O agravamento das condições meteorológicas a partir de domingo e segunda-feira nas regiões do litoral norte e centro, com aumento significativo da temperatura para valores de máxima acima de 30°C na generalidade do território, em especial nas regiões do sul e bacia do rio Tejo com valores entre  35  e  37°C,  diminuição  da  humidade  relativa  do  ar  para  valores  inferiores  a  30%  na generalidade do território.

Este alerta é, evidentemente, da Autoridade Nacional de Proteção Civil, que chama ainda a atenção para os efeitos expectáveis:

  • Tempo quente e seco e vento moderado com permanência de condições favoráveis à eventual ocorrência e propagação de incêndios florestais.
Categorias:Nacional Tags: , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

Agravamento do estado do mar no Continente Agravamento do estado do mar no Continente
Agravamento severo do estado do mar a partir de 1/2/2017 Agravamento severo do estado do mar a partir de 1/2/2017
Com o calor que fez era de esperar… Com o calor que fez era de esperar…
Agravamento do estado do tempo no sábado e domingo Agravamento do estado do tempo no sábado e domingo

Responder

Enviar Comentário

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.