Monumentos de Santarém têm horário de Verão

monumentos_santarem

Há um horário de verão para visitas aos monumentos de Santarém.

Até dia 10 de setembro, os monumentos de Santarém têm novos horários, de modo a promover a dinamização turística da Cidade e permitir aos turistas, a oportunidade de os visitar, graças a um programa que envolve o Município de Santarém, a Diocese de Santarém e a Santa Casa da Misericórdia de Santarém.

O Convento de S. Francisco pode ser visitado de terça-feira a domingo, das 10h às 18h (encerra à segunda-feira).

A Igreja da Graça pode ser visitada das 10h às 13h e das 14h às 18h (só encerra aos feriados).

Estes dois monumentos estão sob a tutela do Município de Santarém.

O USCI – Centro de Interpretação Urbi Scallabis, situado no Jardim Portas do Sol, pode ser visitado de quarta-feira a domingo, das 10h às 13h e das 14h às 18h.

A Torre das Cabaças, também designada por Núcleo Museológico do Tempo ou Torre do Tempo, pode ser visitada de quarta-feira a domingo, das 10h às 13h e das 14h às 18h.

A Igreja de Santa Clara (encerra à segunda-feira e ao domingo de manhã), a Igreja da Piedade (encerra à quarta-feira), a Catedral de Santarém e o Museu Diocesano (encerram à terça-feira e ao domingo de manhã), a Igreja de Marvila (encerra à segunda e à terça-feira), a Igreja do Santíssimo Milagre e a Igreja de Santa Maria de Alcáçova (encerram à segunda e à terça-feira), estão a cargo da Diocese de Santarém, e podem ser visitados das 10h às 18h.

A Igreja da Misericórdia, na tutela da Santa Casa da Misericórdia de Santarém, pode ser visitada das 14h às 18h (encerra à segunda e à terça-feira).

O protocolo firmado entre estas três entidades, conta com a participação de alguns voluntários, que cedem generosamente o seu tempo e intervêm de forma útil e inovadora na comunidade, para além de contribuírem para a dinamização turística da cidade de Santarém e aproximarem os jovens aos espaços museológicos e patrimoniais, bem como à comunidade onde estão inseridos.

Os voluntários têm também a oportunidade de contatar com pessoas de outras gerações e/ou de outros países, de forma a potenciarem a sua capacidade relacional e as suas competências ao nível da língua estrangeira, para além de valorizarem o contributo individual de cada voluntário, através do desenvolvimento de ações de formação e promoção de percursos enriquecedores ao serviço do desenvolvimento e da melhoria das instituições e da sociedade.

Categorias:Património Tags: , , , ,

Também pode ser do seu interesse:

De 11 a 20 de agosto: Tomate, Azeite e Alho De 11 a 20 de agosto: Tomate, Azeite e Alho
Novo sacerdote e nomeações na Diocese de Santarém Novo sacerdote e nomeações na Diocese de Santarém
Tecfresh’17 é uma Feira Tecnológica para Frutas e Hortícolas Tecfresh’17 é uma Feira Tecnológica para Frutas e Hortícolas
Vandalismo contra os Eco.Beatas em Santarém Vandalismo contra os Eco.Beatas em Santarém

Responder

Enviar Comentário


oito − 4 =

© 2017 . Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por MDS Implement Ideas.